terça-feira, 24 de novembro de 2009

Candidatos deverão se unir contra o PMDB de Roseana Sarney

Com o segundo turno garantido, o Partido dos Trabalhadores deverá unir em torno de uma única chapa, os candidatos que lutam contra a oligarquia Sarney, que defendem um casamento entre PT com o PMDB.

Um nome que será o fiel da balança, é o do c andidato Rodrigo Coméciário, que sempre priorizou as lutas de base e que dificilmente sairá da base de oposição ao Sarneysismo, como hoje observamos o vexame que alguns petistas protagonizam, no triste intuito de satisfazer os anseios da oligarquia, que quer lançar uma candidata ao governo com a sigla do PT.

Coméciário defende uma candidatura própria, fortalecendo um PT auténtico, sem alianças espúrias com políticos conservadiores da direita. Rodrigo lembrou a sua história de militancia que todos conhecem, sabem de sua luta, que nunca se entregou ao grupo Sarney.

Nessa disputa do PED mesmo sem estrutura, sem ter mandato fez presidentes municipais em importantes cidades do Estado como em Caxias, Pinheiro e Barreirinhas. Ouça um trecho da entrevista concedida por Rodrigo Comérciario ao radialista Silvan Alves da Rádio Educadora ontem pela manhã, onde o mesmo fez duras criticas a uma aliança do PT com a oligarquia Sarney.

Um comentário: