quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

SEGUNDO SUPLENTE DE LOBÃO TAMBÉM RESPONDE POR PECULATO E APROPRIAÇÃO INDÉBITA.

Segundo suplente do senador Edison Lobão (PMDB-MA), o ex-deputado Remi Ribeiro foi indiciado pela Polícia Federal e denunciado pelo Ministério Público pelos crimes de peculato e responsabilidade, acusado de apropriação indébita de recursos públicos.

O senador Lobão, que deve ser confirmado para assumir o Ministério de Minas e Energia, começou a cogitar Remi como seu substituto após denúncias de que seu filho e primeiro suplente, Edison Lobão Filho, teria usado laranjas para fugir de cobrança de dívidas.

Remi, presidente interino do PMDB no Maranhão, nega as acusações e disse que não foi consultado sobre a possibilidade de assumir o Senado. "Não fui sondado. Não vou ser nada. Não quero minha vida devassada por esse tipo de coisa."

Segundo o inquérito, em 1989 e 1992 houve desvio de dinheiro e fraudes em licitações na Prefeitura de São Bento (MA). Dez pessoas teriam sido beneficiadas, entre os quais Remi, que foi tesoureiro da prefeitura.

Apesar de as irregularidades terem mais de 15 anos, o inquérito da PF só foi concluído em junho de 2005. "Isso é coisa que corre há 20 anos.
Eu exerci um cargo lá uma época. Isso é coisa da oposição", afirmou.

No mês passado, Remi foi absolvido, segundo a Justiça, por "não existir prova suficiente", de uma denúncia de violência sexual feita por sua ex-mulher. Ela o acusou de tentar violentar uma filha que ela teve em outro casamento.
Como a enteada de Remi era menor de idade, o caso ficou a cargo da Promotoria Especializada em Crimes contra Crianças e Adolescentes. "Isso aí é fofoca, futrica. Todo mundo sabe que nunca ocorreu. Já foi arquivado na Justiça [...]. Coisa de mulher separada. Eu não tinha nada com a filha. Um ano depois é que ela levantou isso", disse.

(LEONARDO SOUZAHUDSON CORRÊAda Folha de S.Paulo, em Brasília)

2 comentários:

SEU JOCA disse...

FALSIFICAÇÃO DE ASSINATURA COMPLICA A VIDA DE EDINHO.

Deu na folha de s.paulo e estadão
Assinatura falsa complica defesa de Lobão Filho

Documentos da Junta Comercial do Maranhão apontam que o suplente de senador Edison Lobão Filho (DEM-MA) tem uma sócia na Transamérica Transportes com assinatura falsificada no contrato de criação da empresa. O Ministério Público investiga se ele utilizou laranjas em seus negócios. Segundo laudo da Polícia Federal, Ana Maria dos Santos teve a assinatura falsificada na Bemar Distribuidora de Bebidas, da qual Lobão Filho também foi sócio. A assinatura falsa no contrato da Bemar é a mesma no contrato da Transamérica.

A sociedade de Lobão Filho na transportadora enfraquece seu argumento de que o uso de laranjas na Bemar era responsabilidade de seu "verdadeiro sócio" na distribuidora de bebidas, Marco Antonio Costa.

Costa não é sócio da Transamérica, empresa da qual Lobão Filho é majoritário. Ana Maria ingressou na sociedade em 1996, junto com Maria Luiza de Almeida, mulher de Costa. Leia mais na Folha de S.Paulo

De João Domingos:

Dos quatro técnicos do setor elétrico de absoluta confiança da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, apenas o atual ministro interino de Minas e Energia, Nelson Hubner, não tem a garantia de que ficará no cargo que ocupa, o de secretário-executivo da pasta. Outros três nomes ligados à ministra petista, todos em postos-chave no setor de energia, devem ficar, apesar de o ministério ter sido entregue ontem ao PMDB. Com isso, Dilma manterá a grande influência que tem nos setores de energia e de petróleo.

Um dos integrantes da tropa de choque da ministra é Maurício Tomalsquim, presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), com sede no Rio. Tolmasquim chegou ao governo em 2003, para ser secretário-executivo de Dilma no Ministério de Minas e Energia. Só saiu do cargo para assumir a presidência da EPE, órgão subordinado ao ministério, com a incumbência de fazer o planejamento do setor

http://oglobo.globo.com/pais/noblat/post.asp?t=assinatura_falsa_complica_defesa_de_lobao_filho&cod_Post=87101&a=111

FABIO SOUZA disse...

"SE CORER O BICHO PEGA,SE FICAR O BICHO COME",A SARNEYZADA TÁ NUM MATO SEM CACHORRO,MESMO SENDO INDICADO PARA MINISTRO DAS MINAS E ENERGIA O LOBÃO SOFRERÁ PRESÕES DE TODO EMPRESARIADO DO BRASIL,ATÉ MESMO COM O RISCO EMINENTE DE APAGÃO NO BRASIL;SEM FALAR NO FILHO EDINHO LOBÃO QUE TÁ TODO ENROLADO E DEVERÁ PEDIR LICENÇA DO CARGO DE PRIMEIRO SUPLENTE E AGORA O SEGUNDO SUPLENTE O TAL DE REMI RIBEIRO TEM UM PASSADO MUITO SUJO E PROVALVELMENTE NÃO QUER SER INVESTIGADO,ELES ESTÃO SEM SAÍDA..."QUEM COM FERRO FERE,COM FERRO SERÁ FERIDO.