quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

PERGUNTAR NÃO OFENDE!!!

Sem conseguir saciar sua sede por sangue e dando continuidade á sua onda diária de terrorismo, o sistema mirante de comunicação usa o assassinato do jovem Carlos Augusto Oliveira, membro do Laborarte ocorrido na madrugada do último domingo no centro histórico de São Luis, para responsabilizar o governo do estado pelo simples fato do autor do homicídio ser um policial militar.

O que é uma tremenda ignorância, pois o mesmo não se encontrava naquele momento a serviço da polícia e tem que responder pelos seus atos como qualquer cidadão comum.

Mas, um leitor desse blog muito atento aos fatos nos envia um comentário lembrando que o sobrenome do policial assassino é CUTRIM, e aproveita para fazer a seguinte indagação aos terroristas miranteanos: os Cutrim pertecem mesmo a que grupo político no Maranhão?????

4 comentários:

Anônimo disse...

é verdade, essa família cutrim sempre no sarney, aliás quando falam esse nome pras bandas da baixada maranhense as pessoas correm para suas casas e trancam portas e janelas.

Observador, o verdadeiro disse...

essa família sarney quase mata o povo maranhense de fome e agora quer matar do coração tamanho é o pânico que tentam criar. VADE RETRO!!!!

sufocador de piranha disse...

aliás alí pras bandas da areinha tem um desses cutrim, irmão de deputado que faz miséria e ninguém diz nada.
tá na hora da secretria de segurança da uma incertas naquela área.

germano rocco disse...

esses marginais da mirante que tentam implantar o clima de terror no maranhão é quem deviam estar na cadeia.