quarta-feira, 10 de junho de 2009

NETO DE SARNEY FOI BENEFICIADO

João Fernando Michels Gonçalves Sarney é um jovem de 22 anos que está perto de terminar o curso de administração numa faculdade particular de Brasília. Apesar da pouca idade e de ainda não ter diploma, ele carrega no currículo, além do sobrenome de peso, um emprego de prestígio.

Por um ano e oito meses, João ocupou formalmente um dos postos mais altos da estrutura funcional do Senado. Foi secretário parlamentar, função que dá direito a salário mensal de R$ 7,6 mil. A história agora se tornou conhecida graças à revelação dos atos secretos.

É o próprio João Fernando quem revela as credenciais que lhe garantiram o bom emprego. Procurado ontem pelo Estado, respondeu sem rodeios à pergunta sobre sua relação com o presidente do Senado. "Sou neto do senador Sarney, meu pai é o Fernando", disse.

Ele se referia a Fernando José Macieira Sarney, filho mais velho do senador e encarregado de tocar os negócios da família. A mãe de João, Rosângela Terezinha Michels Gonçalves, candidata a Miss Brasília em 1980, é ex-namorada de Fernando. (Rodrigo Rangel em O ESTADO DE S.PAULO)

3 comentários:

Mano disse...

Esse é o Coronel de Curupu. Tão paupérrimo que tem que dar uma boquinha de sete mil reais pro netinho desvalido. Ah! Como o Coronel anda com uma amnésia brava, ele já disse que não sabe de nada.

ELMO DOS SANTOS disse...

SE OS FILHOS QUE O VELHO SARNEY FEZ FORA DO CASAMENTO RESOLVESSEM TAMBÉM PEDIR UMA BOQUINHA NO SENADO? HAJA BOQUINHA!!!

Seu Arnaldo disse...

esse fernando sarney é mesmo danado.
o cara gosta de fazer filho, além desse descoberto agora, tem uma outra que a mana cria desde que nasceu.
TE CUIDA, SIRLAN(SEGUNDA-DAMA)