quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

PAVOR DE POVO

As viuvinhas enlutadas já não ficam à vontade para falar sobre o julgamento que tanto alardeavam.

A bronca da vez foi pra cima dos ministros, a verdade é que esperavam a cassação imediata do governador da Paraíba Cássio Cunha Lima, a Mirante em peso detestou o pedido de vistas que mantém Cássio no poder. Durante o dia inteiro só falaram da “crise” do TSE.


Cá pra nós, quem anda em crise mesmo, é o patrão José de Ribamar, os comentários que rolam é que o Coroné contratou 80 seguranças para “protegerem” a TV Mirante, pois sabe que seria o alvo principal da população enfurecida numa eventual cassação do governador Jackson Lago.

Até um pedido para a secretaria de segurança com envio de viaturas e homens para montarem campana na porta do Convento das Mercês, Sarney morre de medo do povão entrar no seu convento e tocar no seu mausoléu. Parece que esqueceram da ira mortal que destilavam dia e noite contra a "incompetente" Eurídice Vidigal.


Apesar de ser apenas burburinhos faz sentido. Não brinca com o povo Zé!

3 comentários:

Anônimo disse...

Coitado de Zé Perversidade!

Anônimo disse...

Bicho escroto volta pro esgoto, rosengana vai tratra do "aneurisma".

Zé Indignado disse...

Ô Ricardo! Quer dizer então que a sarneysada dia e noite esculhamba a Segurança de inoperante, é essa mesma segurança, a única que pode proteger a quartinho de tralhas de Sarney(Convento da Mercês,que foi roubado do patrimônio do povo)? Quanta canalhice.