segunda-feira, 24 de março de 2008

SONHAR NÃO CUSTA NADA. MESMO QUE SEJA UM SONHO IMPOSSÍVEL!!!

A loucura definitivamente tomou conta das mentes das "viúvas" do Sarney. Não é que depois de "fabricar" milhares de notícias para confundir a cabeça da população e jogá-la contra o governo e atacar da forma mais violenta a administração estadual, os desesperados fãs da oligarquia carcomida agora inventaram um suposto acordo entre o governador Jackson Lago e o grupo do velho cacique do Amapá, para que juntos ressuscitem a senadora Roseana em 2010.

E como se não bastasse o governador abriria mão de sua própria reeleição em favor do ministro Edison Lobão e negaria apoio ao ex-governador José Reinaldo, o principal responsável pela derrocada do grupo Sarney.


Só mesmo o desespero pode levar alguém a sonhar com algo tão surreal assim. E o pior nisso tudo é que eles ainda tentam passar à população que é o governador quem está querendo fazer o acordo, como se não fosse Sarney o desesperado e que está se agarrando a tudo que passa a sua frente para não ver sua querida filha sofrer mais uma retumbante derrota em 2010,ficar sem mandato a partir de então, o que representará sem dúvida o fim total da última oligarquia ainda existente no Brasil.

6 comentários:

Joâo Aquino Batista disse...

Guerrilha Intelectual Brasileira – A GIB

Camaradas,

Não é mais concebível que cruzemos os braços, enquanto esse desbragado modelo econômico, que faz da miséria sua moeda mais preciosa, marcha célere para o pensamento único, exatamente a acusação que era feita contra o comunismo.
Não!! Chega!! É hora de tirar os ideais e as idéias progressistas do fundo das gavetas e levá-los para onde eles são mais úteis: as ruas, os bares, as salas de bate-papo, as páginas da rede mundial de computadores. Todos os espaços democráticos imagináveis.
É retrógrado pensar-se em luta armada, quando o adversário conta com todas as vantagens possíveis, acumuladas pela pilhagem, pelo neocolonialismo, pelo apoio da indústria armamentista, pela corrupção e pela pura e simples invasão de nações.
A luta agora é outra e precisa de novas armas, portanto, convido as cidadãs e os cidadãos para a Guerrilha Intelectual Brasileira, que nasce agora e precisa de todos os que comungam da ética humana, que está acima das “éticas” artificiais, que apenas justificam a exploração e as mazelas sociais. Na GIB usaremos a mais poderosa munição: a palavra. Mas, não a poderemos usar para discussões estéreis e frívolas. Precisamos, sim, reunir as pessoas no combate aos falsos moralistas, hipócritas e mentirosos, que usam a desinformação do povo para continuar a oprimí-lo, a roubá-lo; seja através de tendências religiosas absurdas, seja pelo predomínio na divulgação da versão dos fatos que mais interessa aos dominadores.
Faremos encontros programados para debates, entraremos na rede para desmascarar adversários, mandaremos milhares de mensagens eletrônicas para destruir conceitos tendenciosos, entraremos nas páginas de políticos, jornalistas, escritores, entidades, enfim, onde se travar qualquer embate de pensamentos; para apresentar os nossos pontos de vista. Tomaremos de assalto os grandes eventos dêem visibilidade aos nossos objetivos; sempre com o apoio de intelectuais ou cientistas que possam nos munir de bons argumentos.
A Guerrilha Intelectual Brasileira está se organizando e é quase óbvio que não há uma coordenação e o assento das linhas básicas de sua organização estatutária, se é que ela terá estatutos.
Essa será uma construção coletiva, como a nova sociedade que almejamos. Não terá, necessariamente, um rótulo ou uma certidão de nascimento, nem será baseada em sistemas fracassados.
As lutas e as necessidades postas, certamente, trarão em si as melhores soluções, para que este trabalho empolgue, mobilize, provoque, espalhe, seja reconhecido e respeitado.
Então, vamos ao que interessa e comecemos, como guerrilheiros responsáveis, a agir, pois a ação nos unirá.


João Aquino Batista
Comando Provisório

Anônimo disse...

Ministro nega recurso à TV Mirante condenada a pagamento de multa por propaganda eleitoral feita em blog
24 de março de 2008 - 18h30 Ver Arquivos


O ministro Marcelo Ribeiro (foto), do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou seguimento ao recurso (Respe 27743) ajuizado pela empresa Televisão Mirante contra decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) que condenou a emissora ao pagamento de multa fixada no valor de R$ 21.282,00 por propaganda eleitoral irregular.

A empresa e o jornalista Décio Sá foram acusados de veicular no blog de Décio, que é hospedado pelo site da emissora, propaganda política favorável à candidatura de Roseana Sarney (PMDB) ao governo do Maranhão. A Representação foi feita pelo candidato a govenador do Estado nas eleições 2006 Aderson de Carvalho Lago Filho (PSDB).

No recurso, a TV Mirante sustenta que o boletim veiculado na Internet era de responsabilidade de seu autor, Décio Sá, não podendo ser transferida essa condição pelo fato de o blog ser acessado por meio do site da emissora. Em seus argumentos, a emissora informa que o blog identifica claramente o jornalista autor do escrito, o que demonstra que se trata de uma seção específica, que reflete apenas a opinião do autor do escrito e não do veículo de comunicação.

Para o ministro Marcelo Ribeiro, a questão já foi adequadamente examinada pelo Tribunal Regional. O ministro salienta que o TSE já firmou entendimento de que as mesmas regras aplicadas ao rádio e à televisão devam ser observadas pelas emissoras em seus sites.

Anônimo disse...

Ministro nega recurso à TV Mirante condenada a pagamento de multa por propaganda eleitoral feita em blog
24 de março de 2008 - 18h30 Ver Arquivos


O ministro Marcelo Ribeiro (foto), do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou seguimento ao recurso (Respe 27743) ajuizado pela empresa Televisão Mirante contra decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) que condenou a emissora ao pagamento de multa fixada no valor de R$ 21.282,00 por propaganda eleitoral irregular.

A empresa e o jornalista Décio Sá foram acusados de veicular no blog de Décio, que é hospedado pelo site da emissora, propaganda política favorável à candidatura de Roseana Sarney (PMDB) ao governo do Maranhão. A Representação foi feita pelo candidato a govenador do Estado nas eleições 2006 Aderson de Carvalho Lago Filho (PSDB).

No recurso, a TV Mirante sustenta que o boletim veiculado na Internet era de responsabilidade de seu autor, Décio Sá, não podendo ser transferida essa condição pelo fato de o blog ser acessado por meio do site da emissora. Em seus argumentos, a emissora informa que o blog identifica claramente o jornalista autor do escrito, o que demonstra que se trata de uma seção específica, que reflete apenas a opinião do autor do escrito e não do veículo de comunicação.

Para o ministro Marcelo Ribeiro, a questão já foi adequadamente examinada pelo Tribunal Regional. O ministro salienta que o TSE já firmou entendimento de que as mesmas regras aplicadas ao rádio e à televisão devam ser observadas pelas emissoras em seus sites.

SEU JOCA disse...

MINISTRO NEGA RECURSO AO SISTEMA MIRANTE POR PROPAGANDA ELEITORAL IRREGULAR, EM REPRESENTAÇÃO INTERPOSTA POR ADERSON LAGO.

A TV MIRANTE E O BLOG DO JORNALISTA DÉCIO SÁ SÃO ACUSADOS DE PROPAGANDA ELEITORAL IRREGULAR FAVORECENDO A ENTÃO CANDITADA AO GOVERNO DO ESTADO ROSEANA SARNEY, NAS ELEÇÕES DE 2006. A JUSTIÇA ELEITORAL CONDENOU A TV MIRANTE A PAGAR MULTA DE R$ 21.282,00, ACATANDO REPRESENTASÃO DE ADERSON LAGO.

Ministro nega recurso à TV Mirante condenada a pagamento de multa por propaganda eleitoral feita em blog

24 de março de 2008 - 18h30
O ministro Marcelo Ribeiro (foto), do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou seguimento ao recurso (Respe 27743) ajuizado pela empresa Televisão Mirante contra decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) que condenou a emissora ao pagamento de multa fixada no valor de R$ 21.282,00 por propaganda eleitoral irregular.

A empresa e o jornalista Décio Sá foram acusados de veicular no blog de Décio, que é hospedado pelo site da emissora, propaganda política favorável à candidatura de Roseana Sarney (PMDB) ao governo do Maranhão. A Representação foi feita pelo candidato a govenador do Estado nas eleições 2006 Aderson de Carvalho Lago Filho (PSDB).

No recurso, a TV Mirante sustenta que o boletim veiculado na Internet era de responsabilidade de seu autor, Décio Sá, não podendo ser transferida essa condição pelo fato de o blog ser acessado por meio do site da emissora. Em seus argumentos, a emissora informa que o blog identifica claramente o jornalista autor do escrito, o que demonstra que se trata de uma seção específica, que reflete apenas a opinião do autor do escrito e não do veículo de comunicação.

Para o ministro Marcelo Ribeiro, a questão já foi adequadamente examinada pelo Tribunal Regional. O ministro salienta que o TSE já firmou entendimento de que as mesmas regras aplicadas ao rádio e à televisão devam ser observadas pelas emissoras em seus sites.

BA/AM

http://agencia.tse.gov.br/sadAdmAgencia/index.jsp?pageDown=noticiaSearch.do%3Facao%3Dget%26id%3D1002306

DAMASCENO disse...

SARNEY, ROSEANA E COMPANHIA AGORA VIVEM UNICAMENTE DAS MENTIRAS QUE INVENTAM. TRISTE FIM.

Anônimo disse...

Adorei o post!

Já que estamos falando da arte de sonhar, dêem uma olhada neste video do youtube http://www.youtube.com/watch?v=hyaX3JgPLVk, ou acesse o site www.meus3desejos.com.br. Tenho certeza que vocês irão gostar.

Abs.