terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

CASA DE FERREIRO

O jornal dos Sarney em sua edição desta terça-feira(19), repercute uma nota escrita pelo deputado federal sarneysista Gastão Vieira em seu blog, acusando o governo estadual de ser o responsável pela não vinda para o Maranhão de uma siderúrgica da Vale que vai para o vizinho estado do Pará.

Como sempre, sem consistência para fazer uma oposição responsável e propositiva ficam a requentar falsas informações usadas com o habitual estardalhaço por eles outrora. O deputado não demonstrou essa mesma preocupação com o desenvolvimento do estado quando no ano de 2006, seus líderes José Sarney e Roseana Murad tentaram de todas as formas possíveis evitar que o banco mundial emprestasse ao governo maranhense 30 milhões de dólares para combater a pobreza rural no estado.

Isto só foi possível graças a muita luta do governador da época com a ajuda de deputados aliados e da sociedade civil e das instituições de classes que foram até Brasília denunciar a nível nacional a manobra do grupo oligárquico para impedir que maranhenses que se encontravam abaixo da linha de pobreza pudessem também ter a oportunidade de melhorar de vida.

É uma pena que o deputado não tenha demonstrado essa mesma preocupação no período em que dirigiu a secretaria de educação do estado no governo Roseana Sarney, que tem como principais marcas no setor educacional o famigerado tele-ensino, um método de ensino à distância da fundação Roberto Marinho, braço das organizações globo no setor, que consumiu mais de 100 milhões do governo e não melhorou em nada os índices de analfabetismo no maranhão.

Ou então daquela declaração dado pelo próprio Gastão Vieira em discurso na câmara federal, quando admitiu que sua governadora durante seus quase oito anos de governo não construiu uma única escola de ensino médio. É como diz o ditado: Casa de ferreiro, espeto de pau!!!!

Um comentário:

Ormuz Rivaldo disse...

Boneco, para de repetir as sandices dos teus patrões. Sei que todos temos chefes. Dai a contestar a realidade, passa a ser doentio! Esperar o que de um cara que foi expulso de uma Igreja porque assediava menores? Prestatenção, idiota, invejoso