quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

SARNEY ÉRA E AINDA É O PIOR NOME

Analisando desempenho dos três senadores, Garibaldi Alves Filho(RN), Pedro Simon(RS) e José Sarney(AP) que foram cotados dentro do PMDB para assumir a vaga de Presidente do Senado Federal, o maranhense senador pelo Amapá, José Sarney é, sem dúvida, o pior nome.

Sarney, tomando por base este ano de 2007, praticamente não fez nada. Não chega nem à metade do que fez Garibaldi Alves Filho. Comparado ao companheiro de partido, Pedro Simon tem atuação três vezes pior.

Se fosse por desempenho, o nome do PMDB deveria ser o do senador gaúcho Pedro Simon. Só este ano ele apresentou 24 projetos de lei, enquanto seus rivais pelo cargo, apenas 6 por Garibaldi e só 2 propostos por Sarney.

No quadro, dá para comparar o desempenho ainda por total de emendas à Constituição apresentadas e manifestações na tribuna.

2 comentários:

John Cutrim disse...

È meu amigo Ricardo a raposa do Sarney ao lado da filha Hello Kitty não fizeram nada senão apenas articular seus planos maquiavélicos a favor de interesses políticos.

Ah Ricardo da uma olhada lá numa matéria que coloquei no meu blogue(www.johncutrim.zip.net/) se referindo a possibilidade de Hello Kitty tirar férias de 120 dias do Senado.

José disse...

Era sonho da raposa bigoduda voltar a ocupar a cadeira de presidente do Senado tão logo fosse consumada a renúncia de Renan Calheiros, mas quando Arthur Virgílio ameaçou trazer a lume as podridões do velho Sarna caso insistisse na idéia de voltar ao cargo, foi o mesmo que jogar água na fogueira. E o que se viu depois foi o caudilho fazer juras de que jamais iria disputar cargos, nem para a presidência da ABL. Ficou na expectativa de ser reconduzido ao cargo pelas mãos de Lula, mas como a velha raposa anda tão desmoralizado o governo recuou e deixou o velho a ver navios. Também seria uma loucura trocar o sujo pelo mal lavado. E com a derrota do governo na votação da PEC que iria prorrogar a CPMF até 2011, Sarney e Roseana cairam em desgraça.